Sociedade

Hotel das Mamãs: Gaia cria hotel para mães de recém-nascidos que necessitam de ficar internados

A iniciativa, que pretende que as mães possam continuar a estar com os bebés, garante o alojamento das mães e o hotel irá assegurar todas refeições das mulheres. 

A Câmara Municipal de Gaia e o Centro Hospitalar de Vila Nova de Gaia/Espinho (CHVNGE) decidiram criar o Hotel das Mamãs, com o intuito de não separar os recém-nascidos que necessitem de ficar internados na Neonatologia da Unidade Materno-Infantil do CHVNGE das suas mães. 

"Desta forma, pretende limitar-se o número de contactos das mães, evitando o contágio e permitindo que estas possam acompanhar os recém-nascidos diariamente, numa fase delicada quer para ambos", pode ler-se na nota envida às redações.  A iniciativa garante o alojamento das mães e o hotel irá assegurar todas refeições das mulheres. Além disso, estas serão monotorizadas regularmente para que o bebé não tenha de ficar toalmente isolado e possa continuar a estar com a mãe. 

Para que esta iniciativa corra da melhor forma, as mães devem cumprir todas as normas da DGS durante este período, seja no hospital ou no hotel e estão proibidas de frequentar espaços públicos de modo a garantir a proteção do bebé. 

Para Eduardo Vítor Rodrigues, presidente da Câmara Municipal de Gaia, “num momento em que nos privaram do contacto físico e em que todos desejamos voltar a sentir os afetos de outrora, não podemos esquecer-nos destas mães que, diariamente, acompanham os seus recém-nascidos na neonatologia do nosso hospital. Já é suficientemente difícil encontrar forças para um momento tão único nas suas vidas. Não podemos ficar indiferentes e privá-las do acompanhamento diário dos seus filhos, com a máxima segurança. Por isso, num período verdadeiramente desafiante para um presidente de câmara, esta é uma solução que muito me orgulha. Juntos seremos melhores e juntos sairemos mais fortes”, afirma.