Sociedade

Em plena pandemia mundial, Letizia sai do palácio para fazer voluntariado

A mulher de Felipe VI quis compreender algumas das dificuldades que a população enfrenta devido ao aparecimento do novo coronavírus. 

 

Casa Real de Espanha
Casa Real de Espanha
Casa Real de Espanha

Em plena pandemia mundial, a rainha Letizia deixou o Palácio de Zarzuela para fazer voluntariado na sede da Cruz Vermelha, em Madrid.

Letizia queria perceber quais são as maiores necessidades da população mais necessitada numa altura em que Espanha enfrenta uma das maiores crises da história, sendo o segundo país com maior número de casos do novo coronavírus, depois dos Estados Unidos e acabou por falar ao telefone com várias pessoas que pertencem a grupos mais vulneráveis para compreender de que forma a Coroa pode ajudar. 

A mulher de Felipe VI participou ainda numa reunião na chegada ao centro, observou a forma como são entregues no armazém os kits de necessidades básica e como é feito o atendimento a idosos.

Durante o trabalho, Letizia esteve sempre de máscara e luvas e cumpriu com as medidas de distanciamento social, como se pode ver nas fotos partilhadas pela  Casa Real de Espanha. “A rainha partilha o dia dos voluntários num centro da Cruz Vermelha Espanhola”, lê-se na legenda.