Economia

António Simões vai dirigir Santander Europa

Para trás ficam 13 anos à frente do HSBC e prepara-se para substituir Gerry Byrne, que decidiu reformar-se no início do próximo ano. António Simões vai assumir funções no próximo dia 1 de setembro. 

O gestor português António Simões vai ser o diretor para a Europa do Banco Santander. A informação foi avançada ontem pela instituição liderada por Ana Botín.

Para trás ficam 13 anos à frente do HSBC e prepara-se para substituir Gerry Byrne, que decidiu reformar-se no início do próximo ano. António Simões vai assumir funções no próximo dia 1 de setembro. 

No Santander, António Simões será responsável pela gestão do negócio do banco na Europa, tendo sob a sua alçada os responsáveis locais de Espanha, Reino Unido, Portugal e Polónia. O gestor irá também integrar o comité de gestão do grupo Santander e reportar ao CEO do grupo, José Antonio Alvarez.

"Estou encantada por dar as boas vindas ao António no Santander e confio que sob a sua liderança continuaremos a construir com base no progresso que já fizemos na região - simplificando o modelo de negócio e alavancando a nossa transformação digital para melhorar os produtos e serviços que oferecemos aos nossos clientes", refere Ana Botín, em comunicado.

Já o gestor português lembra que "esta é uma altura crítica para a indústria dos serviços financeiros em que há imensos fatores sociais e comerciais que representam simultaneamente desafios consideráveis mas também oportunidades significativas, incluindo a agenda de tecnologia e inovação. Pretendo continuar a construir a plataforma "one Europe" nesta paisagem em evolução, liderando a transformação do negócio e trabalhando com algumas das pessoas mais talentosas na banca", acrescenta o gestor.