Internacional

Reino Unido impõe período de quarentena obrigatória para quem vem do estrangeiro

A violação desta medida pode levar a uma multa de 1.000 libras - cerca de 1.100 euros. 

O Reino Unido decidiu impor um período de quarentena obrigatória de 14 dias às pessoas que cheguem do estrangeiro, incluindo cidadãos britânicos, de modo a conter a propagação do novo coronavírus, responsável pela morte de mais de 35 mil pessoas no país. A violação desta medida pode levar a uma multa de 1.000 libras - cerca de 1.100 euros. 

O anúncio foi feito pelo ministro da Irlanda do Norte, Brandon Lewis, esta sexta-feira. Além de pretender "proteger a saúde das pessoas", esta medida tem como objetivo "manter o nível do R [taxa de transmissão] baixo e o mais perto de zero nas próximas semanas e meses", afirmou à BBC Radio 4. 

Até à data, o confinamento para quem chegasse estrangeiro era apenas aconselhado por parte das autoridades de saúde a quem apresentasse sintomas e mesmo assim era opcional. "É uma coisa que podemos fazer, agora que o nível R baixou e que há menos pessoas a viajarem para o Reino Unido, e o impacto marginal que uma pessoa [que entra no país] pode ter é muito diferente daquele quando o R estava mais alto e vírus a espalhar-se amplamente pelo Reino Unido", explicou hoje Lewis.

Mais detalhes sobre esta medida, como quando entrará em vigor, irão ser divulgados ainda esta sexta-feira pela ministra do Interior, Priti Patel. De acordo com o ministro da Irlanda do Norte, esta medida não irá ser aplicada à Irlanda  devido aos compromissos de livre circulação na fronteira com a Irlanda do Norte.