Sociedade

Conheça as orientações da DGS para o regresso do pré-escolar a 1 de junho

Criação de circuitos específicos para circulação, definição de áreas de isolamento e medidas sanitárias semelhantes às das creches.

O regresso das crianças ao ensino presencial do pré-escolar está marcado para dia 1 de junho.

Nesse sentido a DGS já revelou quais as medidas adotar para o regresso ser feito em segurança das crianças e dos adultos dos espaços.

As autoridades de saúde recomendam a definição de circuitos específicos, a criação de áreas de isolamento e medidas sanitárias rigorosas, semelhantes às impostas para a reabertura das creches, que abriram portas no passado dia 18.

Conheça algumas recomendações

  • a. Instalações sanitárias com as condições necessárias para a promoção das boas práticas de higiene, nomeadamente a higienização das mãos com água e sabão;
  • b. Material para os procedimentos adequados de desinfeção e limpeza dos edifícios escolares, de acordo com a Orientação 014/2020 da DGS e o documento orientador da Direção-Geral dos Estabelecimentos Escolares, com a orientação da DGS e a colaboração das Forças Armadas, sobre “Limpeza e desinfeção de superfícies em ambiente escolar, no contexto da pandemia COVID-19”, reforçando, neste caso, a higienização frequente dos materiais pedagógicos e equipamentos utilizados pelas crianças, várias vezes ao dia;
  • c. Gestão de resíduos diária, sem necessidade de proceder a tratamento especial;
  • d. Equipamentos de proteção, nomeadamente máscaras, para todo o pessoal docente e não docente, assegurando que em nenhuma situação são colocadas máscaras às crianças;
  • e. Dispensador de solução antisséptica de base alcoólica (SABA) para desinfetar 

 

Veja o conjunto das medidas na íntegra