Sociedade

Mais de 190 operacionais e seis meios aéreos combatem incêndio em Odemira

De acordo com declarações do responsável do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Beja, Vítor Cabrita, não existem casas a ser ameçadas pelo fogo.

Um incêndio deflagrou na tarde desta segunda-feira, no concelho de Odemira, em Beja e mobilizou mais de 190 operacionais no combate às chamas, apoiados por seis meios aéreos. No total existem 194 operacionais, 61 veículos e seis meios aéreos a lutar contra o incêndio, de acordo com a página oficial da Proteção Civil. 

O alerta foi registado ao 12h44. De acordo com declarações do responsável do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Beja, Vítor Cabrita, à Lusa, não existem casas a ser ameçadas pelo fogo que tem "duas frentes ativas, uma delas a lavrar com grande intensidade".

Os "acessos difíceis" e o vento, que "sopra com grande intensidade", estão a dificultar o combate às chamas, segundo o responsável. "O vento é muito inconstante, muda de direção continuamente, o que dificulta grandemente o trabalho do combate do dispositivo de bombeiros", explicou Vitor Cabrita. 

Apesar das dificuldades, o responsável acredita que os operacionais consigam controlar as chamas "nas próximas horas.