Sociedade

Homem detido por abusar sexualmente da filha de 12 anos e da enteada de 15

Investigação dos abusos cometidos sobre a filha levou à descoberta de crimes anteriores.

Um homem, de 46 anos, foi detido por suspeita de abuso sexual de crianças agravado e coação sexual.

Os crimes seriam cometidos sobre a filha de 12 anos e sobre enteada de 15 anos.

As agressões sexuais terão ocorrido sempre na casa do suspeito, na zona de Olhão, em períodos distintos, segundo informa a Polícia Judiciária num comunicado.

Os abusos sobre a filha, de 12 anos, ocorreram este ano, enquanto as agressões cometidas contra a filha de uma antiga companheira terão ocorrido há quatro anos, quando esta tinha 15 anos.

As autoridades receberam uma denúncia “dos abusos sexuais perpetrados sobre a criança de 12 anos" e deram início à investigação, durante a qual foi possível recolher outros relatos de abusos sexuais praticados pelo suspeito.

"O conjunto de diligências realizadas permitiu a recolha de relevantes elementos probatórios, tendo culminado no dia 28 de julho de 2020 com a detenção do suspeito", informa a PJ.

Uma jovem, atualmente com 19 anos, acabou por revelar que tinha sido vítima de vários episódios de violência sexual cometidos pelo homem, com quem vivia em 2016, por este ser na altura companheiro da sua mãe.

O suspeito já foi presente a tribunal, tendo ficado sujeito a termo de identidade e residência e proibido de contactar com as vítimas.