Internacional

Homem asfixiou filha de nove meses até à morte enquanto a agredia sexualmente

Autópsia revelou que bebé foi abusada sexualmente.

Um homem foi detido, esta segunda-feira, no estado norte-americano do Texas, uma semana depois de ter matado a filha de apenas nove meses, enquanto a agredia sexualmente.

De acordo com fonte policial, citada pela imprensa internacional, as autoridades receberam o alerta no passado dia 24 de agosto. Os polícias foram chamados a um apartamento depois de relatos de que um bebé não estaria a responder. A bebé ainda foi levada para o hospital, mas acabou por morrer.

A autópsia revelou que a criança foi abusada sexualmente e que morreu depois de ser asfixiada durante a agressão.

“Uma autópsia conduzida no Instituto de Perícia do Condado de Harris indicou que a criança havia sido abusada sexualmente e morreu por asfixia durante o ataque”, lê-se num comunicado da polícia, emitido esta segunda-feira.

O pai da bebé, Luis Luna, de 23 anos, foi interrogado e os investigadores determinaram que este causou a morte da criança, tendo sido detido.