Internacional

Testes da vacina de Oxford contra covid-19 foram suspensos

Comissão Europeia anunciou na semana passada a compra de 300 milhões de doses desta vacina.

A farmacêutica AstraZeneca e a Universidade de Oxford suspenderam os testes a uma potencial vacina contra a covid-19.

Uma reação adversa num dos voluntários dos ensaios clínicos levou à interrupção do processo, que já estava na fase final de testes.

A farmacêutica definiu a reação do voluntário como "uma doença potencialmente inexplicada", não dando mais pormenores sobre aquele efeito colateral.

Embora, a AstraZeneca admita que aquela reação possa ser uma mera coincidência, a decisão foi de interromper os testes até que a situação seja analisada e haja uma conclusão fundamentada.

Recorde-se que a Comissão Europeia anunciou, na semana passada, a compra de 300 milhões de doses desta vacina, cujo ensaio está agora suspenso.