Sociedade

Rede Expresso suspende atividade nos próximos fins de semanas, pontes e feriados

Em cumprimento da resolução do Conselho de Ministros, a transportadora irá manter os autocarros parados durante os próximos fins de semana, pontes e feriados, uma vez que é impossível deslocar-se entre concelhos.

A empresa anunciou, esta terça-feira, que ”cumprindo a resolução do Conselho de Ministros, decidiu suspender a atividade nos próximos dois fins de semana perante a impossibilidade de haver deslocações entre concelhos”. Em causa estão as limitações impostas pelo novo Estado de Emergência, que impede a circulação entre concelhos entre as 23h de 27 de novembro e as 05h de 2 de dezembro, bem como as 23h de 4 de dezembro e as 05h de 9 de dezembro. Nos fins de semana e feriados, existe ainda um recolher obrigatório a partir das 13h.

O transporte da Rede Expresso estará interrompido entre 28 de novembro e 1 de dezembro inclusive e entre 5 e 8 de dezembro inclusive.

A suspensão das viagens prende-se ainda, como afirma a empresa, com as “muitas dificuldades na realização de um controlo efetivo de todos os passageiros e do seu fundamento para fazer deslocações entre concelhos”. Os bilhetes comprados antecipadamente poderão ainda ser reembolsados ou revalidados, sem custos.