Sociedade

Partiam vidros dos carros com pedras da calçada para aceder ao seu interior em Lisboa

Suspeitos ficaram em prisão preventiva.

Três homens, entre os 20 e os 22 anos de idade, foram detidos em flagrante delito pelo Comando Metropolitano de Lisboa da PSP (Cometlis), na semana passada, pela prática do crime de furto no interior de viaturas.

Em comunicado, a força de segurança revela que "foi detetado um foco de furtos em viatura". Assim, os polícias "montaram um dispositivo de vigilância e de combate a este tipo de ilícito".

A PSP explica que os suspeitos, em co-autoria, através do uso de pedras de calçada, partiram pelo menos cinco vidros de viaturas que se encontravam parqueadas, assim acedendo ao seu interior. Além dos danos provocados nas viaturas - avaliados em centenas de euros - os suspeitos "acabaram por não concretizar qualquer furto, por terem sido impedidos pela rápida ação da PSP, que os deteve em flagrante delito". 

Presentes a primeiro interrogatório judicial, foi-lhes aplicada a medida de coação de prisão preventiva.