Internacional

Invasão ao Capitólio faz pelo menos quatro mortos

Entre os feridos estão 14 polícias, dois deles em estado grave.


Pelo menos quatro pessoas morreram, esta quarta-feira, na sequência de apoiantes de Donald Trump terem invadido o Capitólio, em Washington, revelou a polícia citada pela AP.

As autoridades recorreram a armas de fogo para proteger congressistas e a primeira vítima mortal foi confirmada ainda ontem à noite, agora a polícia da capital veio confirmar a morte de mais três pessoas já no hospital.

Entre os feridos, estão 14 polícias, dois deles em estado grave, as autoridades detiveram cerca de 50 pessoas, das quais 30 não estavam a respeitar as ordens de recolher obrigatório.

A presidente da Câmara de Washington, Muriel Bowser, prolongou o estado de emergência pública na cidade por mais 15 dias, ou seja até depois da tomada de posse do Presidente eleito, Joe Biden, no dia 20 de janeiro.

Foram encontrados dois engenhos explosivos de fabrico artesanal, nas proximidades da sede dos secretariados nacionais dos partidos Democrata e Republicano, tendo estes sido desativados pela polícia. Foi ainda descoberta uma viatura, nas imediações do capitólio, com uma espingarda e cerca de dez bombas incendiária, segundo a CNN.