Desporto

Roma comete erro e faz seis substituições frente ao Spezia

A equipa de Paulo Fonseca não venceu em campo, mas se tivesse vencido, seria eliminada logo de seguida.


A Roma de Paulo Fonseca foi batida pelo Spezia numa partida que acabou por 4-2, e que significou o afastamento da Roma da Taça de Itália.

A polémica, no entanto, nasceu com o erro cometido por Paulo Fonseca, ao realizar uma substituição a mais do que as que são permitidas. Frente ao Spezia, a Roma fez seis trocas ao longo do jogo, das quais quatro em tempo regulamentar e duas nos descontos.

Foi pano para mangas para a conferência de imprensa que se seguiu, mas o técnico português foi assertivo. "Se há um problema, temos de o discutir internamente", disparou.

A polémica na partida não se limitou às trocas "extra", tendo dois jogadores da Roma sido expulsos no início do prolongamento. Gianluca Mancini e Pau López saíram de campo, e, de forma a substituir López, foi necessário levar um novo guarda-redes para o relvado. Nesta troca, Fonseca decidiu incluir também Ibañez, e é aqui que surge o erro que teria custado a vitória à Roma, já que seria uma troca a mais do que as cinco autorizadas.