Economia

IEFP. Desemprego dispara 29,6% em dezembro de 2020

“No fim do mês de dezembro de 2020, estavam registados, nos Serviços de Emprego do Continente e Regiões Autónomas, 402 254 indivíduos desempregados", lê-se no comunicado do IEFP.  


O número de desempregados inscritos nos centros de emprego aumentou 29,6% em dezembro em comparação com o mesmo mês de 2019 e 1,0% face a novembro, segundo dados divulgados esta quarta-feira pelo Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP). A entidade divulgou que havia 402 254 desempregados inscritos em dezembro (+91 772 que em dezembro do ano anterior e +3967 que no mês precedente).

“No fim do mês de dezembro de 2020, estavam registados, nos Serviços de Emprego do Continente e Regiões Autónomas, 402 254 indivíduos desempregados, número que representa 69,0% de um total de 582 926 pedidos de emprego", lê-se no comunicado do IEFP.  

No comunicado, o IEFP adianta que para o aumento deste indicador “contribuíram todos os grupos do ficheiro de desempregados, com destaque para as mulheres, adultos com idade igual ou superior a 25 anos, os inscritos há menos de um ano, os que procuravam novo emprego e os que possuem como habilitação escolar o secundário". 

Em termos geográficos, o desemprego registado em dezembro de 2020 aumentou em todo o território nacional, com destaque para o crescimento homólogo nas regiões do Algarve (+60,8%), Lisboa e Vale do Tejo (+41,1%) e Madeira (+31,3%).