Internacional

"Vou infetar-vos a todos". Homem detido após contagiar 22 pessoas com covid-19

O suspeito começou a apresentar sintomas, como febre, mas recusou ficar isolado em casa. Terá dito: "Vou infetar-vos a todos com coronavírus".

Um homem, de 40 anos, foi detido, em Palma de Maiorca, Espanha, após ter infetado 22 pessoas com o vírus SARS-CoV-2. De acordo com as autoridades espanholas, o indivíduo ignorou os sintomas e continuava a ir trabalhar e ao ginásio.

A polícia daquela ilha espanhola começou a investigar o caso no final de janeiro, devido a um surto de covid-19 na cidade de Manacor e a indicações de que “um homem estava infetado e continuava a ir trabalhar”.

O suspeito começou a apresentar sintomas, como febre, mas recusou ficar isolado em casa, o que terá preocupado os colegas de trabalho. Perante a insistência no local de trabalho, o agora detido afirmou: “Vou infetar-vos a todos com coronavírus” e passou o resto do dia a movimentar-se pela empresa e a tossir.

Mesmo depois de ser testado, o indivíduo continuou a ir trabalhar enquanto esperava o resultado do teste PCR.

Após o resultado positivo, toda a equipa ficou em quarentena e cinco colegas descobriram que estavam contagiados e tinham infetado vários familiares, incluindo três bebés com menos de dois anos de idade.

No ginásio, foram infetadas três pessoas que terão contagiado vários familiares. No total, as autoridades acreditam que o homem terá provocado 22 infeções.

 O homem foi detido sob suspeita de agressão.