Desporto

Corona? "Se a lesão não for verdade, pode ser possível jogar"

Jorge Jesus fez esta quarta-feira a antevisão ao clássico com o FC Porto

Jorge Jesus, treinador do Benfica, não acredita que Jesús Corona marque presença no clássico desta quinta-feira entre as 'águias' e o FC Porto.

“Não sei se vai estar no jogo. Não sou o treinador do FC Porto e não estou na estrutura do FC Porto para poder ter essa certeza. Mas, pela minha experiência como treinador, um jogador que sai de um jogo como ele saiu [contra o Famalicão], como um sintoma muscular, é impossível jogar passados três ou quatro dias. Se for verdade! Se não for verdade, pode ser possível”, disse o técnico, numa conferência de imprensa de antevisão da partida.

Jesus considera que se Corona falhar o jogo, será Luis Díaz a substituí-lo em campo.

“Como é óbvio, há algumas referências que têm influência em qualquer equipa, não só no Benfica e no FC Porto, como também no Tondela. O FC Porto tem um meio-campo onde tem jogadores que têm muita influência na forma como os jogadores jogam. O Corona é um jogador que tinha e tem essa influência em relação ao jogo ofensivo do FC Porto (…) Não tenho problemas em dizer, penso que vai jogar o Diaz. Sai o Corona entra o Diaz e de resto jogam os mesmos. Mas durante a semana pode acontecer muita coisa que eu não sei”, acrescentou.