Internacional

Grécia em choque: Jovem de 20 anos estrangulada por assaltantes à frente da filha bebé

O marido de 33 anos sobreviveu ao assalto depois de ter sido amarrado e amordaçado. 


A polícia grega está à procura, esta terça-feira, de três ladrões que estrangularam uma jovem de 20 anos, ao lado da filha de 11 meses, e o seu cão, depois de invadirem a casa no subúrbio Glyka Nera, em Atenas.

De acordo com o órgão de comunicação Proto Thema, o ministro da Proteção Civil, Michalis Chrysochoidis, e o vice-ministro das Finanças, Theodoros Skylakakis, anunciaram que o Governo irá atribuir uma recompensa de 300 mil euros a quem fornecer informações sobre os autores do assalto e do homicídio.

O crime hediondo está a chocar a Grécia, uma vez que este tipo de crimes são raros no país.

Os três assaltantes encapuzados entraram durante a madrugada desta terça-feira na habitação do casal Caroline Crouch, de nacionalidade britânica, e Charalambos Anagnostopoulos, estrangularam e enforcaram o cão da família, relatou o Proto Thema.

Ao partirem uma janela, os ladrões invadiram o interior da casa e encontram o marido de Caroline, que foi amarrado e amordaçado, tendo ficado imobilizado durante todo o terror vivido naquela casa.

Caroline estava no segundo andar da casa, com a sua filha de 11 meses, e também foi surpreendida pelos assaltantes, que a agarraram, obrigando-a a indicar onde escondia os objetos de valor.

Segundo a mesma fonte, o trio de ladrões queria roubar objetos valiosos e tinha conhecimento de que o casal tinha peças de valor em casa.

Nos últimos minutos de vida, a jovem de 20 anos foi amarrada e acabou por ser estrangulada, como o seu animal de estimação. De seguida, os assaltantes fugiram com dinheiro e joias.

O marido de Caroline conseguiu soltar-se uma hora depois da saída dos assaltantes e alertou imediatamente as autoridades. Segundo o porta-voz da polícia grega, citada pela mesma fonte, o piloto de 33 anos e o bebé estão a receber assistência hospitalar. 

Agora, uma equipa especial da polícia de segurança está a realizar uma investigação para apurar os autores do crime.

Caroline e Charalambos conheceram-se em 2017 e casaram, em Portugal, dois anos depois do primeiro encontro, segundo informa o Daily Mail.