Economia

Morreu o investigador Pedro Lains

Politólogo António Costa Pinto foi dos primeiros a lamentar a morte do amigo.


O economista Pedro Lains morreu, aos 61 anos, em Lisboa, vítima de cancro, confirmou a Universidade de Lisboa, onde era investigador, sendo coordenador do Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa.

Pedro Lains licenciou-se em Economia pela Universidade Nova de Lisboa e fez um doutoramento em História pelo Instituto Universitário Europeu, deixa uma vasta obra sobre a história económica de Portugal dos séculos XIX e XX.

O também investigador António Costa Pinto foi dos primeiros a lamentar a morte de Pedro Lains.

"É com muito pesar que informo que faleceu esta tarde o nosso colega do ICS-UL e meu amigo, Pedro Lains", escreveu o politólogo na sua página de Facebook".

"Foram muitos anos de uma relação sempre excelente, desde os tempos em que me contactou na década de 1980, quando pensou fazer o Doutoramento no Instituto Universitário Europeu de Florença, até ficarmos colegas em Portugal, vizinhos de andar e de muitas outras coisas e lugares”, acrescentou António Costa Pinto, partilhando um vídeo com Pedro Lains.