Economia

Mais de seis mil milhões de euros para recuperar turismo

IVAucher é lançado em junho, garante Siza Vieira.


O Governo apresentou um pacote de medidas que tem como principal objetivo apoiar um dos setores mais afetados pela pandemia: o turismo. As ajudas, aprovadas pelo Conselho de Ministros, ascendem, “mais de seis mil milhões” de euros, anunciou o ministro da Economia.

Pedro Siza Vieira disse, esta sexta-feira, que o plano serve também “para estimular a ecónoma” e que vai focar-se em quatro pilares: apoiar as empresas, fomentar a segurança, gerar negócio e construir o futuro.

 “Esperamos em 2021 ultrapassar ligeiramente os números de 2020. Se mantivermos a nossa quota de mercado, em 2023 estaremos novamente nos 18 mil milhões de euros [em receitas turísticas]. Mas queremos acelerar a partir daí e assegurar que chegamos a 2027 com 27 mil milhões de euros [em receitas]. Achamos que isso é possível”, disse o ministro da Economia.

Estes seis mil milhões de euros anunciados servem “para assegurar essa aceleração até 2027 e mais de metade será usado para resolver o problema mas moratórias. “O que vamos fazer terá maior incidência no setor do turismo. Há mais setores afetados, mas o turismo terá um apoio mais efetivo”, garantiu.

O governante anunciou ainda que o IVAucher será lançado já no próximo mês. Recorde-se que este programa de incentivo ao consumo, vai permitir que os portugueses acumulem o IVA de uma despesa como “crédito” que poderão descontar numa outra compra e já tinha sido anunciado no Orçamento do Estado 2021.