Sociedade

Prisão preventiva para homem que transportava heroína no valor de 17 milhões de euros

O homem de 56 anos foi detido na terça-feira. 


Um homem de 56 anos ficou em prisão preventiva após ter sido detido, na terça-feira, com 35 quilos de heroína, avaliados em mais de 17 milhões de euros, confirmou o Comando Metropolitano de Lisboa (Cometlis) da PSP.

De acordo com um comunicado da Cometlis, a força de segurança recebeu uma indicação de que "estaria a decorrer uma transação avultada de estupefacientes", pelo que foi montada uma operação para investigar o caso.

"Após abordagem policial, foi possível deter e intercetar o suspeito, que transportava no veículo três sacos com heroína", indicou a PSP.

Foram apreendidas 350 mil doses individuais de heroína, o que corresponde a um valor estimado "entre 17 e 18 milhões de euros", ainda uma balança de precisão, duas armas de fogo e três viaturas.

O detido de 56 anos foi presente ao Tribunal Judicial da Comarca de Lisboa, onde lhe foi aplicada a medida de coação mais gravosa, prisão preventiva.