Economia

CMVM suspende ações da SAD do Benfica

Ações da SAD do Benfica suspensas de negociação na bolsa portuguesa. 


A Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) ordenou a suspensão da negociação das ações da Benfica SAD. A suspensão acontece depois de no fim de semana serem conhecidas as medidas de coação aplicadas a Luís Filipe Vieira, suspenso de funções no clube da Luz, no âmbito da sua detenção na operação Cartão Vermelho.

“O Conselho de Administração da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) deliberou, nos termos do artigo 214º e da alínea b) do n.º 2 do artigo 213º do Código dos Valores Mobiliários a suspensão da negociação das ações Sport Lisboa e Benfica - Futebol SAD, para a incorporação de informação”, lê-se num comunicado partilhado no site oficial da CMVM.

Numa outra nota, a Comissão remeteu para o facto de nos últimos dias se terem tornado “do conhecimento público indícios de irregularidades diversas, suscetíveis de afetar a Sport Lisboa e Benfica – Futebol SAD (Benfica SAD), de impactar o seu governo societário e de criar opacidade sobre a composição da sua estrutura acionista”.

"Face a estas ocorrências, a CMVM tem estado a proceder a averiguações no sentido de assegurar a disponibilização ao mercado de toda a informação relevante relativamente à governação e à estrutura acionista atual da Benfica SAD. Em concreto, a CMVM tem vindo a solicitar esclarecimentos e, sempre que aplicável, a prestação de informação ao mercado a Luis Filipe Vieira, José António dos Santos, John Textor, José Guilherme, Quinta de Jugais e ao Sport Lisboa e Benfica", acrescenta.