Vida

Bella Hadid confessa que se sentiu desconfortável num dos seus 'looks' mais icónicos: "Ainda fico envergonhada"

"Acho que este foi o início da 'Bella personagem' que todo a gente vê em mim", confessou a modelo.


Bella Hadid confessou que se sentiu desconfortável ao utilizar um dos seus looks mais icónicos. Em causa está um vestido vermelho, com uma racha acentuada, que a modelo utilizou no Festival de Cannes em 2016.

Na série Life in Looks, da Vogue, Bella Hadid disse que não se identificou com o vestido criado por Alexandre Vauthier.

"Aparentemente, este foi um momento de vestido vermelho muito icónico", começou por dizer.

“Estava nervosa neste vestido. Parecia muito sexual e tudo mais, mas ainda estava mais nervosa com todas aquelas câmaras, estava nervosa por estar com tanta maquilhagem e estava nervosa por causa desta racha. Tipo, graças a Deus só passei por um pequeno deslize”, disse, ao rever imagens do look.

“Ainda fico envergonhada com este momento, apesar de o vestido ser maravilhoso (…) É que acho que ele não tem muito a ver comigo”, acrescentou.

"Acho que este foi o início da 'Bella personagem' que todo a gente vê em mim. Este é meu alter ego. Aquela é a ‘Belinda’. Sou tão o oposto dela. Ela é muito atraente, sabem? Deus a abençoe, eu amo-a. Ela estava muito nervosa", rematou.

Sublinhe-se que, na altura, a modelo chegou a ser notícia porque acabou por mostrar demais com o vestido em questão.