Sociedade

Marquise de Cristiano Ronaldo já foi demolida

O craque português tinha duas opções: remover a marquise ou fazer alterações à estrutura para a tornar legal

 


A marquise da casa de Cristiano Ronaldo em Lisboa foi destruída esta terça-feira. O futebolista português tinha sido notificado pela Câmara Municipal de Lisboa "para proceder à reposição da legalidade urbanística", ou seja, alterar a marquise ou demoli-la.


A polémica estalou depois de o arquiteto responsável pelo projeto do imóvel, José Mateus, ter denunciado a ilegalidade da estrutura, que tinha sido acrescentada na cobertura da penthouse do jogador. 


A construção foi alvo de uma vistoria no dia 1 de julho com a presença do arquiteto. Ronaldo foi depois notificado a 21 de julho para regularizar a situação até ao início de agosto.