Vida

Jennifer Lawrence revela que ficou traumatizada "para sempre" após ver fotos suas íntimas publicadas na Internet

A atriz foi uma das vítimas a um ataque informático à iCloud da Apple, que, em 2014, expôs fotografias íntimas de mais de 100 celebridades. Sete anos depois, Jennifer Lawrence diz que “o trauma ficará para sempre”.


Jennifer Lawrence falou abertamente sobre o seu envolvimento no caso iCloudGate – o ataque informático à iCloud da Apple, que, em 2014, expôs fotografias íntimas de mais de 100 celebridades.

“Qualquer pessoa pode olhar para o meu corpo nu sem o meu consentimento, a qualquer altura do dia”, afirmou a atriz, que na altura tinha 24 anos e era uma das atrizes mais bem pagas do mundo, à Vanity Fair na apresentação do seu novo filme ‘Don’t Look Up’, a estrear na Netflix.

“Alguém em França publicou-as. O meu trauma ficará para sempre”, desabafou.

A atriz já tinha falado sobre o tema num podcast do The Hollywood Reporter. “Não há uma pessoa no mundo que não seja capaz de ver as minhas fotos íntimas. Podes estar num churrasco e alguém as mostrar no telemóvel. Foi uma coisa impossível de processar”, afirmou.

Além de Lawrence, foram também visadas outras mulheres de renome do mundo do entretenimento, como Rihanna, Selena Gomez e Kim Kardashian.