Sociedade

"Viajar sem pressa". Mais de 8.400 condutores apanhados em excesso de velocidade

A campanha decorreu de 19 a 22 de novembro e teve como objetivo alertar os condutores para os riscos da condução em excesso de velocidade

 


Mais de 8.400 condutores foram detetados em excesso de velocidade no decorrer da campanha de segurança rodoviária "Viajar sem pressa", que fiscalizou mais de 1,4 milhões de veículos, de acordo com o balanço esta terça-feira divulgado.

A campanha decorreu de 19 a 22 de novembro e teve como objetivo alertar os condutores para os riscos da condução em excesso de velocidade, uma das principais causas dos acidentes nas estradas.

Em Portugal continental, registou-se um total de 1.318 acidentes, dos quais resultaram quatro vítimas mortais, 29 feridos graves e 392 feridos ligeiros.

Segundo o último relatório da ANSR, a sinistralidade rodoviária agravou-se em agosto, com um aumento de 42,5% das vítimas mortais e de 9,1% de acidentes em relação ao mesmo mês de 2020.