Sociedade

DGS disponibiliza senha digital para 'Casa Aberta' exclusiva a profissionais de saúde, lares, bombeiros e professores

Dentro desta lista também estão incluídas as crianças com 12 ou mais anos que ainda não tenham recebido a primeira dose contra a covid-19. 


Foi divulgado o site da Direção-Geral da Saúde (DGS) no qual os profissionais de saúde, lares, bombeiros e professores poderão retirar a sua senha digital para a modalidade "Casa Aberta" da vacinação contra a covid-19. 

De acordo com a informação partilhada pela autoridade de saúde, o pedido de senha digital para a modalidade “Casa Aberta” serve para administrar a dose de reforço e por isso é exclusiva a: profissionais de saúde e de outros serviços prestadores de cuidados; profissionais de ERPI e instituições similares; profissionais da RNCCI e bombeiros envolvidos no transporte de doentes; profissionais da Comunidade Escolar e resposta sociais na Infância (disponível de 6 a 9 de janeiro de 2022).

Ainda assim, as crianças com 12 ou mais anos que ainda não tenham recebido a primeira dose contra a covid-19 também podem usufruir desta senha. 

De notar que estes profissionais "devem fazer prova da sua atividade profissional no ato de vacinação", aponta a DGS. 

Neste momento, esta vertente está disponivel para administrar tanto a vacina contra a covid-19 como contra a gripe em utentes com idade igual ou superior a 60, afirma a DGS. 

"São elegíveis para a dose de reforço no regime de “Casa Aberta” os utentes que não tiveram covid-19 nos últimos 150 dias e já completaram o esquema vacinal há pelo menos 150 dias", refere também a DGS, ao indicar que para receber a dose da vacina "basta dirigir-se diretamente ao centro de vacinação ou ao centro de saúde". 

Clique aqui para aceder ao site 

Os comentários estão desactivados.