Internacional

Milhões de chineses obrigados a entrar em confinamento devido à covid-19

Esperam-se medidas mais restritivas nas próximas semanas. 


Milhões de pessoas na China foram mandadas confinar uma vez que o país continua a combater surtos de covid-19 em várias províncias, semanas antes dos Jogos Olímpicos de Inverno.

A comissão nacional de saúde da China contabilizou 110 novos casos de covid-19 transmitidos localmente na segunda-feira passada, incluindo 87 na província de Henan, 13 em Shaanxi, e 10 em Tianjin.

Os casos em Henan levaram ao confinamento de outros cinco milhões de residentes na cidade de Anyang na segunda-feira à noite. Anyang registou 58 dos 87 casos de Henan e pelo menos dois casos da variante Omicron foram confirmados na cidade nos últimos dias, ligados a um surto em Tianjin, a cerca de 500 km de distância.

Os moradores de Anyang foram obrigados a confinar. Comércios não essenciais foram fechados. Também em Henan, escolas e jardins de infância foram fechadas e proibiu-se refeições em restaurantes, enquanto Yuzhou permanece em confinamento.

Com os Jogos Olímpicos de Inverno ao virar da esquina, circulam rumores de que restrições mais severas estarão por vir.

.