Sociedade

151 "apanhados" nas primeiras 24 horas

Os novos radares montados na capital entraram em funcionamento na passada quarta-feira e os condutores que excedam os limites estabelecidos – regra geral, de 50 ou 80 km/h – vão começar a ser multados.


Nas primeiras 24 horas em que foram ligados os 41 novos radares em Lisboa foram apanhados mais de centena e meia de condutores em excesso de velocidade. Entre as 11h do dia 1 de junho e as 9h30 de dia 2, foram registadas pelo menos 151 infrações, apurou o Nascer do SOL.

Entre as zonas onde foram detetadas mais infrações estão a Av. Eusébio da Silva Ferreira, situada junto à Escola Superior de Comunicação Social, em Benfica, no sentido Oeste-Este, com 49 ocorrências. E também a Av. Cidade do Porto, junto ao Aeroporto Humberto Delgado, no sentido Norte-Sul, tendo sido registadas 20 ocorrências.

Os novos radares montados na capital entraram em funcionamento na passada quarta-feira e os condutores que excedam os limites estabelecidos – regra geral, de 50 ou 80 km/h – vão começar a ser multados.

Nos últimos seis meses só foi multado quem passou por um radar móvel da PSP ou da Polícia Municipal. A Câmara de Lisboa prevê arrecadar  para os cofres da autarquia cerca de 5,5 milhões de euros em multas. 

Já a nível nacional, as estradas portuguesas também vão estar vigiadas por mais de 300 radares que deverão ‘disparar’ quando os automobilistas ultrapassem os 20 km/h do que está legalmente instituído.

Os comentários estão desactivados.