Internacional

Jihad Islâmica Palestiniana anuncia acordo de cessar-fogo com Israel

Jihad Islâmica confirmou as tréguas com Israel. Os dois lados do conflito mantiveram negociações este domingo, com a mediação do Egito.


O grupo da Jihad Islâmica Palestiniana (JIP) confirmou este domingo ter assinado uma trégua com Israel sob os auspícios da mediação egípcia. “Foi alcançada há pouco tempo uma fórmula para o anúncio pelo Egipto de um acordo de tréguas”, que inclui o compromisso do Cairo de “trabalhar a favor da libertação de dois prisioneiros”, anunciou Mohammed Al-Hindi, chefe da ala política da JIP.

Recorde-se que Israel tinha aceite o cessar-fogo pedido pelo Egito ao início da tarde deste domingo, faltando apenas a aprovação da Jihad Islâmica Palestina.

Os ataques começaram na passada sexta-feira e até este domingo o número de mortos não parava de aumentar. No total, desde o início, na sexta-feira, da operação militar israelita tendo como alvo o movimento armado palestiniano Jihad Islâmica, “41 palestinianos caíram como mártires, entre os quais 15 crianças e quatro mulheres, e 311 ficaram feridos” no enclave palestiniano da Faixa de Gaza, indicou o ministério da Saúde do movimento Hamas no comunicado.

Os comentários estão desactivados.