Vida

Morreu a cantora Claudisabel num acidente de viação

Segundo os bombeiros, o carro onde seguia a artista capotou e foram realizados trabalhos de desencarceramento e salvamento avançado.


Claudisabel morreu na madrugada desta segunda-feira depois de um acidente de viação na A2, junto a Alcácer do Sal. A artista tinha 40 anos.

O comandante dos Bombeiros Mistos de Alcácer do Sal, Valdemar Gonçalves, confirmou à Lusa que a vítima mortal do sinistro é Claudisabel, nome artístico de Cláudia Isabel Leiria Madeira.

A editora da cantora já reagiu à sua morte num comunicado: “É com profundo pesar, dor e tristeza que comunicamos o falecimento da cantora Claudisabel, após acidente automóvel nesta madrugada. A sua voz, alegria e frontalidade que a caracterizam deixam mais pobres a música portuguesa e todos que tiveram a oportunidade de a conhecer e privar com ela.”, escreveu a Nucafé Records .

A cantora algarvia estava a caminho de casa depois de ter estado em Castanheira de Pêra no palco móvel no ‘Domingão’, da SIC, este domingo, dia 18 de dezembro.

O comandante dos bombeiros, em declarações à agência Lusa, disse que o carro em que seguia a cantora capotou na sequência da colisão e que as operações de socorro implicaram a realização de "trabalhos de desencarceramento e salvamento avançado".

O óbito de Claudisabel foi declarado ainda no local pelo médico da Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER) do Hospital do Litoral Alentejano.

Os comentários estão desactivados.