Politica

António Costa sai da CML. ‘Deixo a casa arrumada'

Fernando Medina assume a presidência da Câmara Municipal de Lisboa (CML), depois de António Costa ter deixado a autarquia. ‘Nestes sete anos, Lisboa recuperou auto-estima, orgulhosa da sua identidade bairrista’, disse o socialista no discurso de despedida.

“Nestes sete anos vencemos a crise municipal e enfrentámos a crise nacional”, disse o secretário-geral do PS. Costa enumerou os investimos feitos na Educação, Cultura, espaço público, reabilitação urbana e mobilidade, entre outras áreas. "Hoje deixo a casa arrumada, com um quadro financeiro sustentável".

"É meu dever concentrar-me agora, como fiz há oito anos, com o mesmo espírito de serviço, energia e determinação, em servir Portugal e os portugueses", disse o líder socialista, candidato pelo PS às eleições legislativas. “Sei que deixo o município em boas mãos”, disse, referindo-se a Fernando Medina que até agora ocupou o cargo de vice-presidente da CML.

O autarca agradeceu ainda aos lisboetas pela "confiança" e aos funcionários municipais, presidentes freguesias e vereadores. 

andreia.coelho@sol.pt