construcao

Ilegalidades e falta de segurança levaram à morte de 49 trabalhadores na construção civil, denuncia Sindicato

Sónia Peres Pinto