Sociedade

Fórum Carcavelos disposto ‘a tudo’ para travar mega urbanização

A linha de Cascais vai mesmo perder a sua última mancha verde. Foi aprovada, esta terça-feira, por um voto, na Assembleia Municipal de Cascais, a urbanização que prevê edifícios de 6 a 7 andares para habitação, um hotel, comércio e serviços, a ser construídos junto à praia de Carcavelos.

Em causa está um projecto para a construção de mais de 930 fogos junto à praia de Carcavelos, num investimento privado que atinge os 270 milhões de euros. 

A decisão foi tomada esta terça-feira numa sessão no Centro Cultural de Cascais, com o voto a favor da Presidente da Freguesia de Carcavelos, Zilda Costa da Silva, que, apesar de vinculada à decisão de rejeição do plano tomada pela Assembleia de Freguesia, o votou favoravelmente na Assembleia Municipal.

Esta decisão está a ser fortemente contestada pelos movimentos de cidadãos do concelho de Cascais. O movimento de cidadãos Fórum por Carcavelos está a “estudar todas as formas ao nosso alcance para impedir o atentado que representará o PPERUCS”, garantiu ao SOL Anamaria Azevedo, daquele movimento cívico.

“Tudo faremos para que a legalidade democrática, que não foi cumprida pela Presidente da Junta ao votar a favor deste plano, seja reposta. Este é um plano que ninguém deseja e repleto de irregularidades, incompatibilidades e omissões. Tudo faremos para que não venha a ser implementado”, acrescentou.

sonia.balasteiro@sol.pt