Sociedade

Mega Aula de Yoga junta centenas de pessoas em Cascais

Centenas de pessoas participaram hoje numa mega aula de Yoga, em Cascais, a cidade escolhida para celebrar o Dia Mundial do Yoga, que foi criado para defender a paz no mundo. 

Apesar de estar agendado para começar às 10h30 num espaço ao ar livre no Grupo Dramático e Sportivo de Cascais, o mau tempo atrasou as celebrações do Dia Mundial do Yoga, que se realizam há doze anos em Portugal.

Depois de esperar pacientemente que o tempo melhorasse, a organização optou por transferir as iniciativas para o pavilhão coberto do Grupo Dramático, obrigando a uma ginástica que os praticantes de Yoga garantem já estar habituados.  

Alguns dos participantes acabaram por desistir e abandonar o local mas, mesmo assim, o pavilhão continuou à pinha quando as cerimónias começaram, por volta das 12h00. 

Dezenas de crianças participaram na abertura oficial do Dia Mundial do Yoga para Crianças, tendo feito uma aula, seguindo-se depois uma apresentação de Dança Clássica Indiana -- Bhárata Nathyam.

Antes do almoço vegetariano, os participantes puderam finalmente participar na Mega Aula de Yoga Avançado que, apesar do nome, não afastou os novatos, como Sandra Silva, que começou a fazer Yoga apenas em Dezembro do ano passado.

"Gosto muito de Yoga porque me ajuda a descomprimir do 'stress' do dia-a-dia. Está a ser uma experiência muito enriquecedora", contou à Lusa Sandra Silva, de 39 anos, acompanhada de duas amigas.

Já Sandra Xavier, 40 anos, começou a fazer Yoga na adolescência, mas garante que a sua paixão surgiu "quando ainda era muito pequenina" e nunca mais deixou de fazer: "Agora, o Yoga faz parte de mim", disse, explicando os benefícios desta prática.

Sandra Xavier garantiu que "ajuda a ser saudável e feliz tal como somos em crianças", mantem o bem-estar e a alegria interior, ajuda a combater o 'stress' e a manter as pessoas tranquilas e serenas.

A professora de Yoga disse que existem aulas pensadas para as crianças, a partir dos três anos, adultos, seniores e "ainda há possibilidades de se fazerem aulas para centenários". 

À Lusa o presidente Confederação Portuguesa de Yoga, Jorge Veiga e Castro, sublinhou a importância da iniciativa que se realizou pela primeira vez em Portugal em 2002, para comemorar o solstício Junho 21.

A Confederação Portuguesa do Yoga ensina Yoga em mais de uma centena de Centros do Yoga - Áshrama, em cerca de 50 cidades do país.

Lusa/SOL