LifeStyle

Norte de Portugal recebe o ‘Óscar dos municípios’

O Norte de Portugal foi galardoado, pelo terceiro ano consecutivo, com um prémio RegioStars da Comissão Europeia - considerado os 'óscares dos municípios' -, desta vez pelo projeto da eurocidade Chaves-Verín.


O projeto, que visa a cooperação e gestão conjunta para a integração socioeconómica e institucional das duas cidades, arrancou em 2007 e já contou com cerca de 1,6 milhões de euros de financiamento de fundos FEDER no âmbito do Programa de Cooperação Transfronteiriça Portugal-Espanha (POCTEP) para um investimento superior a 2,1 milhões de euros.

Só a Câmara de Chaves já beneficiou de 400 mil euros no âmbito desta iniciativa que atribuiu ao Ayuntamiento de Verín cerca de 550 mil euros, à Junta da Galiza 162 mil euros e ao Instituto Português da Juventude 95 mil euros.

"Depois do projeto Art On Chairs, da Câmara de Paredes (2014), e do Parque de Ciência e Tecnologia da Universidade do Porto - UPTEC (2013), foi agora a vez do projeto da eurocidade Chaves-Verín, que une a Galiza ao Norte de Portugal, ter arrebatado um galardão RegioStar, concorrendo com iniciativas oriundas de Espanha, França e Suécia e com um outro transfronteiriço entre este país e a Noruega", revela a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte (CCDR-N) em comunicado.

A comissão adianta que "os responsáveis das duas cidades projetam, num futuro próximo, transformar a área junto ao Tâmega num parque natural, olhando o rio como algo que as une, e criar uma linha pendular de transporte público entre os dois territórios, contando para este efeito captar o apoio de fundos comunitários".

"Em vista está, também, a ambição de que os dois territórios sejam considerados uma zona franca social", acrescenta.

De acordo com o presidente da Câmara Municipal de Chaves, António Cabeleira, sempre existiu uma grande proximidade entre Verín e Chaves, duas cidades divididas pelo rio Tâmega que acolhem, respetivamente, 15 mil e 42 mil habitantes.

Além de gerir uma agenda cultural comum e de dinamizar iniciativas partilhadas, a eurocidade Chaves-Verín assegura uma promoção turística conjunta que tem como objetivo divulgar a região como "a eurocidade da água".

A entrega dos RegioStars Awards está integrada na Semana Europeia das Regiões e Cidades -- Open Days, que decorre até quinta-feira, em Bruxelas, e que constitui o maior evento anual no calendário das regiões europeias, envolvendo quase 200 regiões e cidades de mais de 30 países.

Nesta oitava edição dos RegioStars Awards, a Comissão Europeia recebeu 143 candidaturas que foram depois avaliadas pelo júri com base em quatro critérios: inovação, impacto, sustentabilidade e parcerias. Os quatro vencedores das respetivas categorias foram escolhidos entre 17 projetos finalistas.

Lusa/SOL

Os comentários estão desactivados.