Economia

Adiada reunião entre Presidente do Novo Banco e sindicatos

A reunião entre o presidente executivo do Novo Banco, Stock da Cunha, e os dirigentes dos principais sindicatos do setor financeiro foi adiada para segunda-feira devido a "situações inesperadas".

O encontro deveria ter-se realizado esta manhã, por volta da 9h00, na sede da instituição financeira, em Lisboa.

O objetivo desta reunião é conhecer os impactos do plano de reestruturação da instituição nos trabalhadores e perceber de que modo a reorganização do banco irá afetar os cerca de sete mil trabalhadores do banco.

O Banco de Portugal encarregou a administração para esboçar um plano de restruturação após a venda do banco ter sido suspensa, em setembro. Os sindicatos receiam que diversos balcões sejam encerrados e que haja uma redução significativo dos trabalhadores.

Recorde-se que o Novo Banco chumbou nos testes de stresse do Banco Central Europeu (BCE), em novembro, e necessita de um reforço do capital de 1398 milhões de euros.