Internacional

Brexit: Standard & Poor’s corta rating do Reino Unido

A justificar este corte, a S&P sublinha o risco de um quadro de acção menos previsível, menos estável e menos eficiente.


A agência de notação financeira, Standard & Poor’s cortou em dois níveis o rating do Reino Unido, passando de AAA (notação máxima) para AA. A justificar este corte, a S&P sublinha o risco de um quadro de acção menos previsível, menos estável e menos eficiente.

A agência diz ainda que esta perda reflete também "os riscos de uma substancial deterioração das condições de financiamento externo", além de problemas constitucionais que irão decorrer do facto de a maioria dos votantes na Escócia e na Irlanda do Norte terem optado por permanecer na União Europeia, salienta a agência no seu relatório divulgado esta segunda-feira.

Já quanto à perspectiva (outlook) para a evolução da qualidade creditícia do Reino Unido, a S&P colocou-a em "negativa. Em causa está o risco em matéria de perspetivas económicas e de desempenho orçamental e externo, bem como o papel da libra como moeda de reserva.

Os comentários estão desactivados.