Sociedade

'Ladrões de rodas' voltam a atacar, menos de 48 horas depois

Desta vez o alvo foi uma viatura da marca Renault


Depois do técnico do Belenenses, Quim Machado, ter ficado sem as quatro rodas do seu Mercedes na madrugada de segunda-feira, os ladrões voltaram a atacar esta quarta-feira em Santo Tirso.

Desta vez, o alvo foi uma viatura da marca Renault que estava estacionado em frente ao prédio onde o proprietário reside, cerca de 48 horas depois do último furto.

Tal como tinha acontecido anteriormente, os assaltantes utilizaram dois blocos de cimento para segurar a viatura e retiraram-lhe em seguida as quatro rodas.

"Foi a minha sogra que deu conta de que o carro estava em cima de dois blocos de cimento. Achei que podia ser uma brincadeira, só acreditei quando vi o automóvel à minha frente sem as quatro rodas", disse o proprietário da viatura, de acordo com o Correio da Manhã.

A população de Santo Tirso está agora preocupada com futuros furtos que possam acontecer naquela localidade. 

Os comentários estão desactivados.