Desporto

Atletas paralímpicos vão ter os mesmos prémios dos olímpicos

Até agora, só recebiam metade

A partir de agora, os atletas paralímpicos vão passar a receber os mesmos prémios que os olímpicos pelos resultados obtidos nas suas prestações desportivas. Esta medida consta no Orçamento de Estado para 2017, pelo que o Governo deverá em breve alterar a legislação sobre esta matéria.

Até agora, os valores atribuídos aos atletas paralímpicos correspondiam apenas a metade do montante dado aos atletas olímpicos. Uma medalha de ouro nos Jogos Olímpicos valia 40 mil euros, uma de prata 25 mil e uma de bronze 17500, enquanto os valores base das medalhas de ouro, prata e bronze nos Jogos Paralímpicos eram de 20 mil, 12500 e 7500 euros.

"Com a aprovação da Lei do Orçamento de Estado para 2017 eliminou-se totalmente a discriminação dos atletas paralímpicos quanto ao valor dos prémios desportivos", realçou em comunicado o provedor de justiça, José de Faria Costa, considerando que esta medida constitui "uma solução positiva do ponto de vista do reconhecimento do valor e mérito dos jogadores paralímpicos".

Esta medida deverá já ter influência nos campeonatos do Mundo e da Europa organizados pelo Comité Paralímpico Internacional ou pela respetiva federação da modalidade.