Vida

Itália. Exposição “Real Bodies” cancelada devido a desmaios e tonturas

A exposição “Real Bodies” em Roma, Itália, que tem atuações ao vivo, foi cancelada depois de vários visitantes terem desmaiado e sentido tonturas e enjoos.

A exposição inclui mais de 350 peças em exibição, com cadáveres, múmias, esqueletos, tendões e órgãos reais - modelos à escala humana sem pele a realizar diferentes movimentos e fetos dentro de frascos.

No entanto, o que mais escandalizou os visitantes foi o espetáculo ao vivo do grupo Wild Suspension Team. Os artistas explicavam como funciona a pele humana, ficando suspensos por ganchos de metais presos ao maior órgão do corpo humano.

Segundo o El País, ao lado do espetáculo estaria a pele de uma pessoa real, dissecada e colocada num painel de vidro.

O público não reagiu bem e, em apenas dois dias, treze pessoas foram assistidas pelos serviços médicos devido a desmaios e tonturas. O jornal espanhol adiantou que as pessoas começavam a sentir-se mal quando viam o sangue dos artistas.

A organização optou então por cancelar o espetáculo e disse não esperar esta reação do público. "A suspensão apenas tinha finalidade científica e, como tal, não esperávamos uma reação de sofrimento e impressão por parte do público", explicou Mauro Rigone, diretor da empresa Venice Exhibition, que organiza a exposição.