Economia

Ministro da Economia diz que indústria do calçado é a mais "sexy"

A indústria mais sexy de Portugal é a do calçado

O Ministro da Economia pediu, esta sexta-feira, a todos os setores da indústria portuguesa para celebrarem contratos de trabalho que garantam os salários iguais para ambos os sexos.

Manuel Caldeira Cabral explicou, na cerimónia de tomada de posse de Luís Onofre como presidente da Associação Portuguesa dos Industriais de Calçado, Componentes, Artigos de Pele e os seus Sucedâneos, que este é um apelo que tem de ser feito a todos os setores, considerando que a igualdade de género é “uma prioridade do Governo”.

Caldeira Cabral disse que o calçado é "um bom exemplo", classificando esta indústria como "a mais sexy", não só pelos produtos que faz, mas também pela atração de jovens para os desafios daquele setor.

O ministro da Economia referiu ainda que as exportações em Portugal continuam a crescer, tendo o país evoluído no sentido de ser inovador e das suas marcas terem qualidade. “A indústria do calçado é de facto uma indústria que deu um enorme exemplo de como um setor tradicional, pela inovação, pela incorporação de 'design', pela melhoria de qualidade se pode hoje afirmar como uma indústria moderna, que dá cartas a nível mundial, que é uma referência de qualidade e que é uma indústria que o país se orgulha”, acrescentou.