Desporto

Liga. Rúben Dias e Coentrão na mira do Conselho Disciplinar

Central do Benfica arrisca castigo por agressão, enquanto o lateral do Sporting pode ficar em maus lençóis devido ao incidente com dois socorristas no Dragão

O Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) instaurou um processo disciplinar a Rúben Dias. Em causa está um lance entre o central do Benfica e Rúben Micael, médio do Paços de Ferreira, durante a recente deslocação dos encarnados ao terreno dos pacenses, na 24.ª jornada da Liga.

A situação em questão passou em claro à equipa de arbitragem, mas irá agora ser apreciada pela a Comissão de Instrutores da Liga, que depois devolverá novamente o processo ao Conselho de Disciplina, para aplicação de um eventual castigo, no caso de ser considerado provado que Rúben Dias agrediu Rúben Micael, ou arquivamento do processo.

Também o incidente entre Fábio Coentrão e dois socorristas no Estádio do Dragão, durante o clássico entre o FC Porto e o Sporting, será alvo de um processo de inquérito. O caso foi igualmente remetido para a Comissão de Instrutores da Liga, que depois devolverá o processo ao Conselho de Disciplina.

Também nesta quarta-feira, o CD da FPF informou que o Sporting desistiu do recurso relativo ao castigo de um jogo aplicado a Gelson Martins. A SAD leonina, recorde-se, havia apresentado recurso na tentativa de poder utilizar o extremo frente aos dragões, mas o CD negou de imediato o efeito suspensivo, obrigando mesmo Gelson a falhar o encontro com o FC Porto. Assim, os leões acabaram por desistir do processo.