Politica

Agente da PSP intima ex-ministra a ir à esquadra

Deputados vão enviar carta a Ferro Rodrigues em protesto pela forma como a deputada do PSD foi tratada


A comissão parlamentar dos Negócios Estrangeiros escreverá uma carta ao presidente da Assembleia da República, Eduardo Ferro Rodrigues, queixando-se do comportamento de um agente da PSP para com a ex-ministra da Justiça Paula Teixeira da Cruz.

A iniciativa da comissão parlamentar, de que Teixeira da Cruz é membro como deputada, colheu apoio unânime numa reunião decorrida na tarde de ontem, mesmo dia em que, aliás, sucedeu o incidente.

A deputada do PSD relatou o ocorrido e o presidente da comissão, Sérgio Sousa Pinto, do PS, manifestou solidariedade e iniciativa imediata. O parlamentar socialista afirmou o seu desagrado na medida em que a PSP está destacada para defender o órgão de soberania (a Assembleia da República) e que os deputados são titulares eleitos desse órgão de soberania.

O presidente da Comissão dos Negócios Estrangeiros lamentou ainda que não se trata da “primeira vez” que tal acontece e anunciou que a comissão vai endereçar uma carta ao presidente da assembleia, Ferro Rodrigues, pedindo “medidas” de reparação e retificação.

“Pedagogia e disciplina, já que a pedagogia nem sempre é suficiente”, pediu Sousa Pinto. “Quando acontece com uma deputada, acontece a todos nós”, rematou.

O deputado Paulo Pisco, do Partido Socialista, também declarou a sua solidariedade (“somos solidários”) com a ex--ministra de Pedro Passos Coelho em relação “à forma como foi tratada pelos agentes de segurança”.

Teixeira da Cruz encontrava-se a acolher um convidado da assembleia com dificuldades de mobilidade e terá pedido a identificação do agente após este contrariar o auxílio referido. Em resposta, o agente da PSP terá convidado a deputada a acompanhá-lo à esquadra local da PSP – cenário que a ex-ministra estranhou e mais tarde denunciaria.

Ao que o i apurou, a missiva da comissão parlamentar será entregue pelos deputados à mesa da Assembleia da República ainda esta semana.

 

Os comentários estão desactivados.