Sociedade

Portugueses ajudam a criar material que limpa o petróleo do oceano

Cientistas portugueses trabalharam em parceria com cientistas australianos

Um grupo de cientistas portugueses em parceria com cientistas australianos criaram uma espécie de esponja que consegue limpar e recuperar o petróleo derramado no oceano.

Gonçalo Bernardes, investigador da Universidade de Cambrigde e do Instituto de Medicina Molecular João Lobo Antunes, referiu à Lusa que este material consegue absorver petróleo e “uma vez espremido, permite recuperá-lo e voltar a ser utilizado. É de baixo de custo e funciona de forma sustentável”, podendo ser produzido com enxofre e óleo de fritar, geralmente utilizado na cozinha.

O investigador disse ainda que o material não é tóxico para a vida marinha e, por ser um material seguro, os cientistas estão a estudar a possibilidade de o utilizar em medicamentos.

A próxima fase, será “conversar com empresas de engenharia e produção” para que seja possível utilizar o material no oceano.