Sociedade

Português baleado na cabeça no atentado do Sul de França tem alta hospitalar

Atentado provocou cinco vítimas mortais e 15 feridos

O português, que foi baleado na cabeça no atentado terrorista em trèbes, no Sul de França, em março, teve alta hospitalar esta quinta-feira.

“O Renato regressou hoje a casa, segundo me transmitiu o pai, que me enviou uma mensagem. É uma ótima notícia”, afirmou o vice-cônsul, Paulo Santos, à Lusa.

O jovem de 26 anos regressa a casa dos pais depois de ter estado mais de um mês internado numa unidade de neurocirurgia e apesar de ainda ter uma paralisia facial e não ter recuperado a audição de um ouvido, o centro hospital decidiu dar-lhe alta.

O atentado terrorista ocorreu a 23 de março, em Trèbes, no Sul de França. O jovem ficou ferido, na sequência do ataque, depois de ter sido baleado na cabeça.

Do atentado resultaram cinco mortos, incluindo o autor do ataque, que foi abatido pelas autoridades depois de se ter barricado num supermercado e ter feito reféns. Ficaram ainda 15 pessoas feridas.