Sociedade

Operação Fizz. Manuel Vicente vai ser julgado em Angola

O Tribunal da Relação decidiu esta tarde enviar o processo de Manuel Vicente para Angola. 

O Tribunal na Relação decidiu, esta quinta-feira, que vai enviar o processo do ex-vice-presidente Manuel Vicente, arguido na Operação Fizz, para Angola.

A decisão foi comunicada à agência Lusa pelos advogados de Manuel Vicente que se mostram bastante satisfeitos com o facto de o juiz desembargador Cláudio Ximenes ter optado por dar razão ao recurso da defesa do ex-vice-presidente angolano. 

Recorde-se que, Manuel Vicente foi acusado em Portugal do crime de corrupção ativa. Orlando Figueira, antigo procurador do Departamento Central de Investigação e Ação Penal (DCIAP) é suspeito de ter recebido ‘luvas’ de 300 mil euros para beneficiar o vice-presidente de Angola Manuel Vicente – antigo CEO da Sonangol – num inquérito que dirigia. Parte do dinheiro ter-lhe-á chegado à conta no dia em que arquivou a investigação.