Internacional

Guterres vai fazer um dia de Ramadão

Secretário-geral da ONU vai solidariezar-se com os muçulmanos

António Guterres vai cumprir um dia de Ramadão, altura mais importante do calendário muçulmano, em solidariedade para com os muçulmanos.

O secretário-geral das Nações Unidas anunciou no Twitter que vai passar um dia sem comer e beber, desde o nascer do sol, ao pôr-do-sol.

“O Ramadão é uma altura de paz e reflexão. Em solidariedade para com os muçulmanos em todo o mundo, junto-me ao jejum no Mali”, escreveu o português no Twitter.

O Ramadão teve início a 17 de maio e prolonga-se até 14 de junho.