Politica

Milhares de manifestantes em Lisboa

Milhares de trabalhadores de todo o país participam esta tarde numa manifestação convocada pela CGTP em Lisboa. O protesto é contra a política laboral e em defesa da valorização do trabalho e dos trabalhadores.

O lema do desfile, entre o Campo Pequeno e o Marquês de Pombal, é 'Lutar Pelos Direitos, Valorizar Os Trabalhadores!'. A CGTP revelou que estão contratados mais de 150 autocarros e quatro comboios com partida do Porto para o transporte das pessoas até Lisboa.

"Garantidamente vamos ter uma grande manifestação em Lisboa, que poderá ser o ponto de partida para a intensificação da ação reivindicativa nos locais de trabalho", afirmou um dirigente sindical à agência Lusa.

A manifestação foi convocada para defender a necessidade de valorização do trabalho e dos trabalhadores, através de uma melhor distribuição da riqueza e da melhoria das condições de vida e de trabalho.

Mas segundo a CGTP a recente alteração ao Código de Trabalho acrescenta motivos para o protesto. A proposta reduz o limite dos contratos a prazo e aumenta a duração do período experimental e surge na sequência do acordo de concertação social de 30 de maio.

A CGTP não aderiu por o considerar "contrário aos interesses e direitos dos trabalhadores", uma vez que defende, entre outras coisas, o aumento geral dos salários, a fixação do salário mínimo nos 650 euros em janeiro de 2019, o fim da caducidade das convenções coletivas "e de outras normas gravosas da legislação laboral".