Sociedade

Há mais de 160 mil jovens em Portugal que não estudam nem trabalham

Dados foram apresentados hoje no Instituto de Ciências Sociais, em Lisboa, pelo Garantia Jovem. 

Em Portugal, há mais de 160 mil jovens que não estudam nem trabalham, adianta esta terça-feirao Garantia Jovem – um programa europeu coordenado em Portugal pelo Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP).

De acordo com os dados divulgados, dos mais de 160 mil jovens portugueses que não estudam nem trabalham, 50,2% são do sexo feminino e 49,8% do género masculino.

Relativamente às idades destes jovens, 45% tem idades compreendidas entre os 20 e os 24 anos, 41% entre os 25 e od 19 anos, e 14% estão distribuídos pelas restantes faixas etárias.

Os dados mostram que 59% dos jovens em Portugal são desempregados que estão inscritos no serviço público de emprego, e 41% não se encontram sequer registados nos serviços de emprego, de educação e de formação.

A Garantia Jovem tem como objetivo dar resposta à inatividade e ao desemprego jovem.