Internacional

Jornalista da BBC despede-se: “Foi-me dito que me restam apenas alguns dias”

Uma jornalista da BBC está a comover o mundo depois de ter deixado uma mensagem onde revela que lhe restam poucos dias de vida.

Rachel Bland é uma repórter da BBC que luta desde 2016 contra um cancro da mama. Agora, e depois de os médicos comunicarem que tem poucos dias de vida, decidiu partilhar uma mensagem emotiva onde se despede da família e dos amigos.

Com apenas 40 anos, Rachel sabia que a sua doença era incurável e que lhe restava esperar pelo inevitável desfecho. 

“Nas palavras do lendário Frank S [Sinatra] – Tenho medo que o tempo tenha chegado, meus amigos. De repente. Foi-me dito que me restam apenas alguns dias. É surreal. Obrigada por todo o apoio que me deram. Adeus meus amigos”, escreveu Rachel Bland.

Casada e com um filho com apenas dois anos de idade, Rachel foi documentando a sua doença no seu blogue Big C. Little Me, para que um dia o seu filho possa ler a história contada na primeira pessoa.

Recentemente, a jornalista escreveu no seu blogue que estava “numa corrida contra o tempo".

"Gostava mesmo de ver o livro publicado antes de morrer. Mas neste momento sinto que estou que o tempo está a esgotar-se e eu não conseguirei terminar”, disse ao jornal The Telegraph. 

Em entrevista ao The Sun, Rachel Bland deixou uma mensagem para o filho mais tarde ler. "O último capítulo é uma mensagem de despedida para ele [o filho], o que será muito difícil. Quero que ele saiba que ele pode ser e fazer tudo aquilo que ele quiser e eu estarei sempre orgulhosa dele. Não quero que ele se preocupe mas sim que tenha uma vida feliz – e seja generoso com todos".